Revista de Filosofia Aurora - V.24 N.34

Disponibilidade: Em estoque

R$14,90
Revista de Filosofia Aurora - V.24 N.34

Mais Visualizações

Detalhes

Título Revista de Filosofia Aurora - V.24 N.34
Subtítulo Dossiê Kant. Homenagem a Valério Rohden
Organizador da revista PUC-PR; PUC-SP
Ano de edição Janeiro-Junho/2012
Editora Champagnat
Assunto Filosofia;
Origem Nacional
Idioma Português
ISSN 0104-4443
Encadernação Brochura
Formato 15x21cm
Peso 700g.
Páginas 384págs.
Artigos / Autores Editorial

Dossiê
Darlei Dall’Agnol – Observantia et reverentia: respeitando um kantiano não ortodoxo
Aylton Barbieri Durão e Adja Balbino de Amorim Barbieri Durão – Habermas sobre a comunicação sistematicamente distorcida
Edmilson Menezes – Kant e a noção de pessoa
Andrea Faggion – The second analogy and he Kantian answer to Hume: why “cause” has to be an a priori concept
Aguinaldo Pavão – Imperativo categórico e egoísmo: observação sobre a crítica de Schopenhauer a Kant
Maria João dos Santos das Neves – Estética orteguiana: raízes kantianas
Leandro Paolicchi – La división del trabajo moral : las críticas de J. Habermas a K.-O. Apel em torno a la realización histórica de la ética del discurso
Roberto Horácio de Sá Pereira – O disjuntivismo em Kant
Adriano Correias – Juízo, imaginação e mentalidade alargada: a interpretação arendtiana do juízo estético kantiano
Alcino Eduardo Bonella – Kant e a liberdade prática na crítica da razão pura
Nythamar de Oliveira – Aesthetics, ethics, and the role of teleology in the third critique
Rejane Schaefer Kalsing e Delamar José Volpato Dutra – Notas sobre o conceito de sociabilidade legal em Kant
Daniel Omar Perez – Foucault como kantiano: acerca de um pensamento do homem desde sua própria finitude
Clélia Aparecida Martins – A rechtslehre e a filosofia da história de Kant
Milene Consenso Tonetto – A dignidade da humanidade e os deveres em Kant


Fluxo contínuo
Rogério Miranda de Almeida – A lei natural e a lei escrita: uma leitura à luz do pensamento de Nietsche
Márcio Sales – Foucault, o sobrinho de Rameau e a Parrhesia: da verdade da loucura à loucura da verdade
Jorge Luiz Viesenteiner – “[...] que o valor da vida não pode ser estimado”: uma interpretação contextual do aforismo 2 do capítulo “O problema de Sócrates”, no crepúsculo dos ídolos, de Nietzsche
José María Zamora Calvo – La noción de armonía de Plotino a Jámblico 
Revista nova Em muito bom estado de conservação. Sem grifos ou anotações no texto. 

Tags do Produto

Compartilhe
Indique este produto